Melasma é uma condição caracterizada pelo surgimento de manchas escuras na pele, principalmente na face, podendo acometer tronco, braços e pescoço. Geralmente de carácter simétrico, com apresentações em zonas frontais, malares, mandibulares, buço e mento.  A causa pode ser multifatorial como a exposição solar, gestação, uso de contraceptivos hormonais, trauma local (depilação) e luz artificial. Pode haver predisposição genética. É considerado incurável, com exceção ao melasma gravídico que pode ter remissão completa após a gravidez em alguns casos. Há muitos tratamentos eficazes como a mesoterapia, peelings químicos e cremes clareadores. O ideal é sempre afastar os fatores desencadeantes como a exposição solar e traumas mecânicos.

Dicas:

  1. Evitar qualquer tido de agressão física à pele como esfoliações e depilação com lâminas e cera
  2. Evitar uso de hormonas, quer seja oral, transdérmica ou injectável. Fale sempre com seu dermatologia antes de iniciar tratamentos hormonais.
  3. Evitar calor nas áreas com melasma como saunas, banhos muito quentes e fica à frente de forno e panelas.
  4. Consulte sempre seu dermatologista antes de qualquer procedimento estético como laser ou microagulhamento, pois muitos deles podem piorar o melasma.
  5. Uso protetor solar sempre, mesmo em casa. O melhor protetor solar para quem tem melasma é o mineral.